Como identificar necessidades de treinamento corporativo?

Tempo de Leitura: 6 min
treinamento corporativo

O levantamento correto das reais necessidades de treinamento dos colaboradores e seu respectivo cruzamento com o planejamento estratégico da grade de desenvolvimento é crucial para o sucesso de um programa como este.

Conhecido no mercado corporativo por meio da sigla LNT, o Levantamento de Necessidades de Treinamento trata-se de um processo que identifica e organiza as dificuldades, os gaps e as oportunidades de desenvolvimento e crescimento na carreira da equipe de funcionários de uma empresa.

Realizar um programa de treinamento sem as várias etapas que demonstram as competências atuais e as exigidas pelo negócio e pelo mercado em geral é desperdiçar energia e dinheiro.

Resumidamente, as necessidades de treinamento se caracterizam pela diferença entre aquilo que um grupo de funcionários deve dominar para o exercício de suas funções, o que eles já sabem fazer e como eles vêm desempenhando na rotina de trabalho.

Trata-se, portanto, de suas carências em relação a determinados conhecimentos, técnicas, habilidades e competências.

Importante reforçar aqui que um LNT eficiente não somente identifica as necessidades dos funcionários. Ele também inclui o planejamento e a execução de treinamentos que, quando concluídos, fazem total diferença na produtividade dos funcionários.

Ao mesmo tempo em que levam satisfação às pessoas porque elas sabem que conhecimento é um bem que uma vez obtido ninguém pode tirar delas. O que só aumenta o engajamento e melhora o ambiente de trabalho.

Veja o que fazer para identificar as necessidades de treinamento dos seus colaboradores

Há diversas iniciativas que garantem um bom levantamento de necessidades de treinamento. Claro que muitas ações dependem do segmento de atuação, porte da empresa, quantidade de funcionários e tamanho da verba destinada ao processo.


Leia também: Treinamento e desenvolvimento de pessoas: Conheça 5 soluções da Pearson Corporate Solutions

Vamos detalhar, abaixo, o que pode ser feito. A partir daí, fica mais fácil priorizar o que faz mais sentido para a sua empresa.

Avaliação de desempenho

Um bom ponto de partida para o LNT é estruturar o processo de avaliação de desempenho e treinar os gestores para a devida aplicação. Esta ferramenta registra se e quanto cada funcionário está executando as atividades que lhe cabem em níveis regular, satisfatório, bom e ótimo.

Para dar conta desta tarefa, a descrição de cargos é fundamental. Ou seja, é necessário um documento prévio que determine quais devem ser as funções das várias posições no organograma da empresa. O que faz um gerente? E um coordenador na mesma área? E o supervisor? E assim por diante.

A avaliação de desempenho deve mensurar os aspectos técnicos, traçar metas e objetivos da área e analisar possíveis melhorias do processo.

Deve também identificar as lacunas comportamentais. Neste aspecto, alguns exemplos são: integrar-se melhor com as pessoas de outras áreas vencendo a timidez ou ganhar segurança para apresentações em público.

Com a descrição de cargos e a avaliação de desempenho em mãos, é possível organizar tanto os treinamentos específicos quanto os gerais.

Pesquisas quantitativas e qualitativas

Aplicar pesquisas quantitativas e qualitativas é uma estratégia poderosa para entender a avaliação que os funcionários fazem do seu próprio desempenho. Simultaneamente, eles opinam quanto a temas que julgam importantes para alavancar a qualidade de seu desempenho.

Estas pesquisas podem ser feitas através de questionários online. É uma alternativa de baixo custo e que contribui bastante na hora da definição dos treinamentos que serão realizados num certo período e para qual público-alvo.

Durante estes levantamentos, é comum e importante saber, por exemplo, o quanto uma pessoa da área A gostaria de ser treinada para atuar na área B, por exemplo.

Avaliação de funcionários

Aqui é preciso certo cuidado para não confundir avaliação de colaboradores com prova escolar.

Quando o RH avalia o conhecimento técnico do seu pessoal, o objetivo é mensurar qual o nível que os colaboradores apresentam em determinadas áreas do conhecimento, fundamentais para o desenvolvimento do trabalho.

Há várias formas capazes de identificar isso de modo a não criar um clima tenso entre as pessoas. Consequência esta perigosa e que deve ser afastada usando a melhor metodologia que existe para estas situações: a comunicação transparente.

Quando transmitimos o conceito e objetivos da avaliação, não há motivos para gerar tensões ou desconfortos.

Os resultados da avaliação contribuem para o levantamento das necessidades de treinamentos porque reforçam habilidades que já existem e temas que precisam ser trabalhados nos conteúdos das capacitações futuras.

Ao introduzir novas informações e tecnologias na parte teórica e prática não deve haver espaço para assuntos que já são de domínio da equipe.

Ouvir as lideranças

Esta ação é crucial também no processo de identificar as necessidades de treinamento dos colaboradores.

Especialistas da área de Recursos Humanos devem conversar com os profissionais com cargos de liderança na empresa. Podem ser feitas entrevistas individuais com gerentes, chefes, coordenadores, supervisores e gerentes. O objetivo é levantar, entre os líderes, os resultados relacionados à produtividade, qualidade da entrega, integração com os demais colegas na área, nível do desempenho no dia a dia da operação, etc.

É importante incluir também perguntas em relação às principais dificuldades encontradas. Esta ação complementa e contextualiza os resultados obtidos na avaliação de desempenho.

Entrevista na saída do quadro de funcionários

Pouco usados, as entrevistas ou questionários aplicados aos funcionários no momento do desligamento podem ser bastante úteis para o LNT. Respondendo honestamente, eles ajudam no diagnóstico a ser realizado sobre o panorama atual de capacitação.

Observação e análise crítica

Realizadas as ações acima, é chegada a hora da observação e análise crítica de todo material levantado até então. A interpretação de dados e fatos aqui é fundamental.

Muitas empresas derrapam nesta etapa por falta de pessoas especializadas nesta atividade que deve associar o programa de treinamento aos objetivos estratégicos da organização, agrupando informações por temas, áreas, prioridade e necessidades coletivas e individuais.

Destas pesquisas iniciais, conclui-se quais são, de fato, as necessidades de treinamento na sua empresa.

Estes sinais podem e devem ser analisados concomitantemente a outros indicadores como taxas de absenteísmo, turnover, resultados alcançados, metas cumpridas, pesquisa de clima organizacional, insatisfações e conflitos notados pelas lideranças no dia a dia.

Agora que você já sabe como identificar necessidades de treinamento na sua empresa, descubra quais são as principais tendências em capacitação profissional!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS