Tudo o que você precisa saber sobre diferencial competitivo

Tempo de Leitura: 3.5 minutos
equipe-diversa-colegas-de-trabalho-montando-quebra-cabecas-coloridos

Você sabe o que é um diferencial competitivo? Quando falamos de um atleta, por exemplo, pode ser a altura. Uma pessoa alta e rápida pode ter algumas vantagens para jogar basquete. No mundo corporativo e empresarial essas vantagens não são dadas pela natureza, elas precisam ser conquistadas e, na maioria das vezes, com muita capacitação, cultura, plano de negócios e estratégias.

Os diferenciais são, ou seja, características que atraem a preferência de clientes. Pode ser um produto, pode ser um serviço, pode ser a imagem ou a mensagem que determinada marca está passando para o público.

Percebemos então que um diferencial competitivo gera valor agregado, muitas vezes, inclusive, subindo o valor do produto ou serviço em relação aos concorrentes e, mesmo assim, conseguem se manter relevantes e na dianteira do mercado.

Por que se destacar dos concorrentes?

No mundo empresarial, ficar parado é a mesma coisa de ficar parado numa corrida: você vai perder. Ou a sua empresa vai perder. Se todas as empresas estão tentando expandir os negócios, como conseguir uma maior fatia do que o seu concorrente? A sua proporção de clientes conquistados precisa ser maior.

E não tem segredo: para uma empresa ganhar clientes, ela vai ter que conquistar mercado de seus concorrentes. E como se faz isso? Chegando primeiro, analisando as tendências e conhecendo o público para oferecer um... Adivinhou? Um diferencial competitivo.

Analisar as tendências é importante para saber o rumo que o mundo está tomando. Muitas pessoas lembram das locadoras de filmes, que não entenderam a mudança do mundo digital e que não antecederam a chegada dos serviços de streaming. Hoje, não é possível encontrar uma locadora por aí. Elas se tornaram obsoletas.

Inovar não só gera novos negócios, mas pode ser a razão dele continuar vivo e operando.

• O cliente procura valor agregado. Ele quer ter as expectativas superadas. Como o seu produto ou serviço pode fazer isso?

• O seu produto não pode ser substituível. Concorrentes? Claro, mas o seu precisa ter algo que o coloca em outro patamar.

• A mensagem é importante. Tenha o que falar.

• Busque sempre a excelência. Em tudo. No atendimento, na entrega e em todos os processos.

Como reconhecer um diferencial competitivo?

Pois é, existem sim certas características que todo diferencial competitivo possui. Veja alguns:

1. Deve ser difícil reproduzi-lo

Se você criar uma vantagem em relação aos seus concorrentes e na semana seguinte todos eles passam a copiar a sua empresa, o seu diferencial perde sentido e não vai te separar dos demais. Ou seja, o diferencial não pode ser facilmente copiado, reproduzido.

2. Ser único

Essa é uma característica autoexplicativa e faz ligação com a primeira. Para o diferencial realmente ser efetivo, não pode existir outras maneiras de suprir determinada necessidade do cliente. Tudo que é único possui um valor agregado que chama atenção do público e cria fidelidade.

3. Sustentável

Se a sua vantagem tem prazo de validade, ela não será competitiva. Ela precisa ser sustentável, sobreviver as mudanças do mercado e se adaptar com as novidades tecnológicas. O diferencial de uma empresa precisa ser um dos motivos para sua posição privilegiada na corrida por clientes, capaz de manter lucros e de manter a curva de crescimento sempre apontando para cima.

4. Adaptável

Se você vende uma grande diversidade de produtos, por exemplo, o seu diferencial não pode estar presente apenas em um ou alguns poucos. É importante que essa vantagem seja vista em muitos serviços ou produtos.

Ser inovador é um diferencial

O diferencial competitivo de uma empresa pode estar presente na sua cultura organizacional e a inovação é uma característica predominante para isso. Mas para isso é preciso capacitar a equipe para o surgimento de novas ideias.

Além de treinamentos, a criatividade é algo que anda lado a lado com a inovação. Então, desde o processo de recrutamento, é essencial ter olhos para candidatos criativos.

Uma das soluções para esse desafio, é a busca pela montagem de uma equipe diversa, com perfis de diferentes raças, classes sociais, gêneros. Pessoas com bagagens diferentes enxergam as situações com pontos de vista diferentes e, assim, conseguem apresentar soluções criativas e inovadoras.

Já as capacitações devem fazer parte da estratégia, pois além dos resultados concretos, apresenta também estímulo para os colaboradores, que conseguem enxergar a sua importância dentro da empresa, já que estão investindo em seu desenvolvimento.

Conclusão

Construir de forma orgânica um diferencial competitivo significa que a sua organização empresarial possui algo único, algo que atrai consumidores e que gera fidelidade desse público. E essa peculiaridade pode vir de todos os lados: no atendimento ao consumidor, algo relativo ao produto, o serviço oferecido, o marketing, o relacionamento nas redes sociais e até a inovação na forma de fazer negócios.

É preciso entender a capacidade dessa característica de gerar lucros e receita. É capaz dela se tornar a “cara” da empresa. E o grande desafio é justamente esse: o meu diferencial é bom de verdade? Se a resposta for sim, agora é identificar as oportunidades que estão aí para impulsionar a sua empresa.

A tecnologia pode ser uma grande aliada nesse processo, assim como a inovação e a criatividade. Esses três pilares são capazes de produzir competitividade e alavancar resultados.

A sua vantagem competitiva precisa te colocar à frente dos seus concorrentes. Te desgarrar do grupo, te diferenciar. E o mundo precisa identificá-lo facilmente.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS