Por que é importante capacitar colaboradores da sua empresa?

Tempo de Leitura: 4.5 minutos
equipe-de-trabalho-em-sala-de-treinamento

A maneira como os membros dos times se sente reflete diretamente nos resultados da empresa. Por mais que a premissa do negócio seja voltada para a inovação e que tenha processos bem estruturados, se capacitar colaboradores não for uma das prioridades, o capital humano ficará estagnado e a organização terá problemas em diferentes esferas.

Hoje, a capacidade de entrega de resultados de uma empresa e seus diferenciais não depende apenas das características do mercado ou da qualidade do produto ofertado.

Afinal, muito disso pode acabar sendo comoditizado, mas o capital humano sempre continuará sendo fonte de criatividade e inovação, gerando diferenciais e vantagem competitiva.

Com isso, podemos entender que o principal ativo da empresa são as pessoas que atuam nela. Em um mercado de trabalho cada vez mais globalizado e competitivo, esse ativo é muito mais valioso quando as pessoas têm suas hard e soft skills aprimoradas.

Fatores como o potencial de se reinventar, as habilidades para saber lidar com situações desafiadoras, a capacidade crítica e o preparo para otimizar as atividades e processos contribuem para um modelo de negócio escalável e para o aumento da sua competitividade no mercado.

Dessa forma, capacitar colaboradores é um dos principais caminhos de organizações que desejam manter equipes de alta performance.

Esse investimento pode garantir que as pessoas na sua organização se mantenham motivadas, engajadas, produtivas, eficazes no cumprimento de tarefas e focadas em alcançar o sucesso.

Neste artigo, você compreenderá melhor a importância de capacitar colaboradores e conhecerá os primeiros passos para fazer isso na sua empresa. Acompanhe a seguir.

Afinal, por que capacitar colaboradores é importante?

O ambiente corporativo passou por um grande processo de transformação nos últimos anos. Atualmente, já é reconhecido o fato de que as pessoas são os principais ativos para o sucesso da organização.

Agregado a esse fator, as tarefas passaram a ser mais complexas, a competitividade entre as empresas aumentou e os conhecimentos e atribuições exigidos para o desempenho de cada cargo mudaram.

Portanto, para que a sua organização vença esses desafios e se mantenha em cenário de evidência constante no mercado, capacitar colaboradores é algo que deve fazer parte da estratégia do negócio.

É claro que os próprios profissionais podem buscar suas alternativas para o desenvolvimento profissional com objetivo de oferecer um currículo atrativo para os empregadores.

Porém, mesmo assim, adotar uma política consistente de treinamento de colaboradores pode trazer diversos ganhos e refletir em melhorias contínuas das equipes, das performances e dos resultados individuais e coletivos.

Além disso, capacitar colaboradores pode ser a chave para reduzir os índices de rotatividade de pessoal, que podem representar um alto custo para a organização. Há pesquisas que apontam que o gasto da empresa com a perda de um talento pode chegar a custar até 213% do valor de seu salário.

De fato, conforme levantamento feito pelo LinkedIn, 94% dos colaboradores consultados afirmaram que permaneceriam mais tempo em uma companhia se ela investisse na sua capacitação e qualificação profissional.

Dessa maneira, entre os principais benefícios de capacitar colaboradores da sua empresa, podemos destacar:

  • Retenção de talentos;
  • Motivação das equipes;
  • Redução do turnover;
  • Satisfação dos clientes;
  • Aumento da produtividade;
  • Inovação;
  • Elevação da competência para a realização das atividades;
  • Melhoria no atendimento ao cliente;
  • Fit cultural;
  • Alinhamento de objetivos;
  • Redução de custos a médio e longo prazo;
  • Diferencial competitivo;
  • Maior qualidade;
  • Satisfação pessoal e sentimento de pertencimento.

É importante lembrar que capacitar colaboradores deve ser algo feito em todas as fases do relacionamento com seu time - e isso inclui também os novos funcionários. Há benefícios consideráveis nessa prática.

Por exemplo, um estudo demonstrou que treinamentos consistentes e bem estruturados feitos nos primeiros 90 dias dos novos colaboradores na organização são muito efetivos para que esses funcionários sintam-se engajados no novo trabalho e sejam mais produtivos em sua trajetória na companhia.

Como estabelecer uma política consistente para capacitar colaboradores da sua empresa

Quando falamos na adoção de um processo estruturado para o desenvolvimento de pessoas, isso não significa necessariamente escolher treinamentos que estão em evidência no mercado.

É importante olhar para dentro da empresa, identificar as reais necessidades e definir prioridades para, então, poder fazer escolhas assertivas que trarão resultados por meio dessa iniciativa.

Isso é chamado em RH de Levantamento da Necessidade de Treinamento (LNT), prática que ajuda a garantir que os investimentos realizados em capacitação tragam os melhores resultados para os profissionais e para a empresa.

Também é importante identificar possíveis multiplicadores dentro da empresa. Pessoas proativas, comunicativas e formadoras de opinião são excelentes aliadas para transmitir determinadas informações. Elas podem auxiliar na disseminação do conhecimento, dos valores e objetivos do negócio.

Ainda, é primordial saber que a trilha da aprendizagem é contínua, somente assim é possível acompanhar a evolução e as novas necessidades do mercado.

Sendo assim, investir na educação continuada é uma forma de manter os times atualizados e ficar um passo à frente da concorrência.

Também é importante que a política de treinamento contemple toda a jornada do funcionário na empresa.

Isso quer dizer que a estratégia de capacitar colaboradores deve contemplar:

  • O processo de onboarding (em sua chegada e processo de integração organizacional);
  • Treinamentos de atualização e reciclagem, incluindo desenvolvimento de habilidades e competências técnicas e comportamentais;
  • Capacitação para movimentações entre cargos (como em promoções);
  • Entre outros.

Isso também quer dizer que capacitar colaboradores deve ser um processo bem desenhado.

É preciso realizar os treinamentos de acordo com as reais necessidades e lacunas, deixando claro quais são os resultados esperados, estabelecer a relação custo-benefício, a metodologia utilizada e as ferramentas necessárias.

Igualmente importante é avaliar os resultados e verificar se o treinamento realmente agregou valor e atendeu as expectativas dos envolvidos.

Conclusão

O ambiente corporativo passou por um profundo processo de transformação. Nesse contexto, as empresas precisam se reinventar para acompanhar essas mudanças.

Parte dessa transformação envolve maior valorização das pessoas como verdadeiros talentos a serem captados, retidos, capacitados e engajados.

Assim, é preciso capacitar colaboradores continuamente para construir um ambiente organizacional favorável à inovação, ao desenvolvimento, à diferenciação mercadológica e ao aumento da produtividade.

E então, ficou mais claro agora por que é importante capacitar colaboradores da sua empresa? Para mais dicas que irão transformar o seu negócio, siga o nosso perfil no LinkedIn e receba novos conteúdos em primeira mão.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS